Comida sem sal

oi pessoal!

saudades de escrever aqui no blog, ando tão ocupada e ainda pensando sobre os novos rumos aqui do Café das Quatro que abandonei um pouco os textos. Mas sem desculpa: no instagram sempre tem novidades, segue lá!

Você que leu o título deve estar se perguntando: qual foi a comida que estava sem sal?

Explico…

Essa frase está na minha cabeça desde uma degustação para qual fui convidada. Quando ouvi durante a apresentação “não uso sal na cozinha” fiquei com um pé atrás. Absolutamente nada contra não usar sal, mas a contrapartida é orquestrar temperos para seduzir o paladar, certo?

O sal sempre foi demonizado pela nutrição e organizações internacionais de saúde. A verdade é o que excesso pode ser danoso, especialmente numa dieta regada a embutidos, enlatados e fast food. O sal escondido nas receitas para manter produtos “frescos” por mais tempo – e aí mora o perigo, nem percebemos o consumo.

Claro que já ouvi também que é uma questão de paladar (tem gente que realmente não sente falta). Penso, no entanto, que sal é um realçador de sabor e tem seu espaço de destaque em qualquer cozinha. Vai bem até em doce (nham caramelo com flor de sal).

E a desgustação?

A comida tinha muito potencial, mas quando chegamos ao prato principal – um polvo gralhado com purê de mandioquinha se não me engano – pimba! eu e mais alguns influenciadores começamos a catar os saleiros na mesa. O polvo estava ao ponto, delicioso, mas não tinha nenhum outro tempero para compensar o “sabor de polvo”.

E isso é o que quero dizer com “comida sem sal”: ok você ter essa filosofia em sua cozinha, mas eu espero sempre criatividade com temperos. Eles são super aliados na nossa alimentação e usamos tão pouco, infelizmente.

Não sou nenhuma “chef” e por isso mesmo sou craque em colocar pouco sal na minhas aventuras na cozinha. E sei também como temperar errado pode ser um problema. Lembro de uma viagem à França há muitos anos atrás. Pedi uma entrada com sardinhas, ou algo do gênero, e veio regado à limão e sei lá mais o que… cozinhou a minha boca! Terrível! Não consegui comer, óbvio, mas o atendente ficou me ofendido quando eu não aceitei uma troca, fui direto para o prato principal.

Ah essas experiências! Me fazem rir, afinal esse é o lado bom da vida. Criticar, mas sem se estressar. Comente aí uma experiência sem sal ou excesso de tempero, quero saber!

beijoca, Ju

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAPTCHA * Limite de tempo esgotado. Por favor, recarregue o CAPTCHA.